Os fundadores da Microsoft são Bill Gates e Paul Allen, mas antes de criarem a empresa eles tentaram uma outra empreitada. A Traf-O-Data foi criada com o intuito de usar computadores para processar informações sobre o trânsito coletadas de equipamentos instalados nas ruas de Seattle, nos EUA.

Posts Recentes!

Azure da Microsoft

Azure da Microsoft está crescendo rapidamente para enfrentar a AWS, enquanto o Xbox ainda está lutando

Enquanto a Microsoft fala com investidores sobre seus números de desempenho do ano de 2019, mostrando que superou projeções de analistas, tudo aconteceu principalmente pelos desempenhos do Azure da Microsoft e do Office.

Os números divulgados nessas conversas são nada mais nada menos que a receita de US$ 36,9 bilhões, tendo como lucro US$ 11,6 bilhões, o que superou as expectativas dos analistas.

Cada um dos segmentos e divisões de nuvem e produtividade, gerou em torno de US$ 11 bilhões de dólares, e isso mostra um ganho de 29% da nuvem, 17% de produtividade e a receita específica do Azure da Microsoft que aumentou 64%.

Pensando sobre o ano fiscal, a Microsoft está em uma boa posição, o que compensa a Amazon AWS, líder em negócios da Azure.

Azure da Microsoft

O declínio dos jogos

Já o que diz respeito sobre a área de jogos, é uma parte um tanto quanto decepcionante da receita da empresa. O declínio dessa área, que também compartilha, categorias de “Computação pessoal, teve uma queda de 11% tanto no conteúdo como nos serviços do Xbox.

A Microsoft alegou que não iria conseguir finalizar o ano, já que com o título de terceiro, isso gerou números enormes na época, e todo o esforço para um console que só continuou lutando sem vencer em nenhum aspecto.

Pensando pelo lado positivo, os esforços realizados pelos jogos da Microsoft, é fato que a empresa ainda pensa em lançar novos e grandes jogos neste ano, ainda no primeiro semestre. Essa inovação pode vir em forma de jogos ou hardware do Xbox, o que pode vir a aumentar os números.

Os melhores planos de internet rápida da Claro para quem gosta de games

Comparação entre os serviços da AWS e do Azure da Microsoft

Se a dúvida é sobre como resolver problemas e encontrar soluções multi-nuvem, tanto com o AWS, quanto com o Azure da Microsoft, é possível comprar recursos de TI em todas as categorias.

De uma forma geral e comparativa, os serviços são bem próximos, mas nem todos os recursos de ambos, são de paridade exata para ser comparados.

Azure da Microsoft

Azure e AWS para soluções multi-nuvem

Como uma das principais plataformas de nuvem pública, o Azure da Microsoft e o AWS oferecem conjunto profundo e amplo de cobertura global. 

Mesmo assim, em várias organizações, o uso das duas plataformas juntas oferece maior flexibilidade e opções.

Além disso, também aumenta o risco e a dependência de trabalhar com várias nuvens. 

Várias empresas de consultoria ou fornecedores de software podem usar ambas as plataformas para expandir suas possibilidades. Visto que elas representam uma maioria de demanda no mercado.

O que é o Azure?

O Azure da Microsoft é um conjunto amplo de serviços de nuvem, que servem para ajudar qualquer empresa ou organização a enfrentar seus desafios de cada dia. 

É a liberdade em implantar, criar e gerenciar aplicativos, em uma rede enorme e global, usando apenas estruturas e ferramentas favoritas.

A plataforma

A plataforma de computação na nuvem, roda principalmente para os datacenters da Microsoft. 

Ela é composta por um sistema operacional, o Windows Azure, e por um banco de dados SQL Azure, com midler de integração.

Tudo isso funciona graças à:

  • Virtualização: já que os data center possui suporte de milhares de máquinas virtuais, que aumentam ou diminuem seu poder conforme demanda.
  • Computação em cluster: como se um conjunto de computadores, trabalhassem juntos para formar um grande computador.

Tais características tornam esse serviço bastante interessante, e a venda do software, assim como o usuário não é obrigado a baixar e nem a instalar nada, basta acessar a usar via internet, pagando somente o que usar.

Vantagens em usar o Azure da Microsoft

Algumas das principais vantagens que a plataforma trouxe para o mercado, foram:

Abertura a diferentes sistemas

O Azure suporte vários sistemas operacionais, programações, dispositivos, frameworks, entre vários outros, ao mesmo tempo.

Por isso, não é necessário que o usuário ou profissional fique migrando de tecnologia, isso gera conforto e segurança.

É possível ficar implementar aplicativos sendo rodados pelo Azure, sem que a empresa precise adaptar todo o sistema de computadores. 

Sem contar que o Azure da Microsoft não necessita que você escolha entre uma nuvem ou um data center, adaptando-se a TI já existente, diminuindo o custo final das aplicações.

Proteção de dados

Algumas empresas ainda não se renderam a algum tipo de provedor de nuvem por certo medo ou extravio das informações. 

Mas o Azure chega para desmistificar esse temor. Como o primeiro sistema de nuvem reconhecido por autoridades, com proteção de todas as informações da União Europeia. 

A plataforma consegue prometer segurança e proteção a qualquer cliente.

Uma nuvem confiável

O Azure da Microsoft mostra muita eficiência e segurança em seu desempenho, que pode ser comprada pelos próprios usuários. 

Funciona desde pequenos projetos até os mais avançados produtos globais. 

É uma plataforma que funciona para qualquer carga de trabalho, e mais de 57% das empresas da Fortune 500 já confiam sua integridade na plataforma.